Riscos para bordar: onde encontrar

Um assunto polêmico entre as bordadeiras é o direito autoral das imagens a serem bordadas. Para respeitar a artista criadora da ilustração que queremos bordar é necessário entender de que forma essa artista trabalha: se vende suas ilustrações, se permite que essas ilustrações sejam usadas para fins comerciais (esse é o caso se você pensa em vender os bordados que vai fazer com aquele desenho), se permite alterações nessas ilustrações, e por aí vai.

Respeitar a artista é, também, uma forma de respeitar toda uma cadeia criativa. Infelizmente somos parte de um sistema onde algumas pessoas ignoram os direitos das outras ao “pegar do pinterest”, ao chamar cópia de inspiração e outros absurdos.

E como fazemos do jeito certo? Como podemos ser pessoas conscientes nesse cenário? Pra começar, recomendo esses sites:
Dimensions Guide
DMC
Elo7
Etsy

Além deles, também recomendo o instagram de diversas artistas que criam riscos para bordar, para venda ou uso gratuito. Estão todas linkadas abaixo, basta seguir e acompanhar o trabalho delas:
@riscosprabordar
@lidandoebordando
@studiocarolvasconcelos
@coletivobordadolivre
@gaiabordados
@julianamotabordado
@myfakeplants
@laribordou
@studiocarolvasconcelos
@bordaluiza
@_bordarte
@thais.trisltz
@lofto5
@setebordados
@bordado.arretado
@boraborda
@bordeiemsaturno
@chaeriscos
@bordajuhcdr
@bribordando
@fleurbroderie
@algodao_cru
@clubedobordado
@lunairestudio
@bordadospraiaia
@rosa.meada
@danniribeirostudio
@fabisemunovic
@rudia.oficial
@_tesourinhas
@bordadosuai
@yaootbordados
@antimonothonia
@crafter.ama
@florirmateriais
@rebeccajacob.o.rda

De qualquer forma, seja através dos sites ou do instagram das ilustradoras, dar o crédito é fundamental para que a roda siga girando. Creditar o desenho do teu bordado é, além de um ato de honestidade, um ato de respeito e agradecimento por quem o criou. Marcando a ilustradora nas postagens incentivamos que ela siga desenhando e fortalecemos sua rede para que mais bordadeiras saibam desse trabalho que ela realiza.

Aproveitando o embalo já deixo aqui o crédito: esses links foram coletados de postagens no grupo de wpp Bordadeirxs, e de posts da @bribordando e @bordadosmika.

Me conta nos comentários: onde mais tu encontra riscos para bordar?

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RSS
Facebook
Pinterest
Instagram